18 fevereiro 2009

Monstro na perna - conta ou não conta?

Para incentivar os jovens a não ignorarem os problemas de drogas dos amigos, a agência McKinney, criou um filme completamente bizarro para Ong Partnership For A Drug Free America. O filme mostra um rapaz com uma espécie de monstro agarrado na sua perna. E seja na escola ou em casa o bicho continua lá e ninguém fala nada. Veja:



Eu particularmente não gostei. Esquisito demais. Lembrei logo de outro filme que vi da Pfizer que coloca um rato na boca da pessoa para desestimular o uso de remédios sem receita. Um exagero (veja aqui). Há quem defenda essa linguagem dizendo que chocar é a melhor solução. Qual é a sua opinião?

3 comentários:

Gustavo disse...

bizarro demais! com a música de fundo ainda...

Malucom disse...

Também não gostei! Essa questão de chocar para chamar atenção é pura ilusão.

Depois do choque inicial, você esquece o que viu ou no mínimo tenta esquecer por ser uma imagem ou video desagradável.

rfmalucom.blogspot.com
Obama Pop

Alex Senna disse...

eu gostei